22 de jun de 2012

Papos de Sexta - Os tipos da Livraria, por Rafaella Fustagno

Quem gosta de livros sempre arruma uma desculpa para entrar em uma. Eu sou assim, se é para esperar a chegada de alguém, eu marco na livraria, se é para completar a hora de almoço dando uma voltinha, sempre passo em uma para olhar os últimos lançamentos.  É de uma vida de esperas, visitas e idas a eventos literários, que veio a ideia de escrever a coluna de hoje.

Se você parar para olhar em uma livraria, encontramos vários tipos. Eu reconheço vários:

- Colecionador de marcadores e livretos: ele entra na livraria quase todo dia,  vai direto ao caixa da loja para encher a mão com muitas unidades. Assim adiciona mais itens a sua coleção infinita, e pega repetidos para trocar.

- O pão-duro: ele ama livros, mas mesmo que tenha dinheiro, gosta mesmo é dos confortáveis sofás das livrarias, do ar-condicionado e de estar recheado de opções gratuitas. Geralmente escolhe os livros menores para ler no mesmo dia, ou para ler em partes, e assim faz várias visitas.

- O leitor de revistas: sim, livrarias têm revistas e nada melhor para quem não curte ler online, que folhear a revista todinha na livraria. Eles odeiam revistas lacradas e as que vêm com brindes: as primeiras porque atrapalham sua leitura e as segundas porque, para evitar furtos, ficam como peças de museu, atrás dos caixas.

- O fotógrafo: Ele deve ter um blog, pelo menos eu imagino que sim. Só isso justifica a graça de tirar fotos de todas as capas de livros com o celular. Conheço uma que anda no centro da cidade aqui do Rio de Janeiro, e ama tirar fotos das capas, mas com ela segurando. Nunca vi perto do caixa, pode ser que compre pelo site da loja...
- O cliente virtual: ele jamais compraria na loja porque claro que é mais caro do que pelo site — e ele tem vários bônus para frete grátis —, mas, mesmo assim, faz questão de ir à livraria e dizer: “Esse eu já tenho. Paguei R$ 10 menos”

- O vovô saudoso: ele já é um senhor de idade, sempre leva consigo um livro de páginas amareladas, mas gosta de visitar as livrarias, sentar nos confortáveis sofás, dar aquela cochilada depois do almoço e sair da loja com um livro para o netinho. Quando conversa com alguém, sempre comenta que no tempo dele as capas não eram tão coloridas, que as livrarias não vendiam cds (aliás esses nem existiam!) e que sente falta da mãe ou da esposa que gostavam de ler tanto quanto ele: um fofo!

- A blogueira literária: ela nem lembra quantos livros ainda não lidos que tem em casa. Acabou de receber mais de dez livros das editoras parceiras, mas mesmo assim tem de passar na livraria. Anota os livros das editoras com as quais tem parceria para pedir e compra aqueles que não vai receber. Ela está sempre feliz, porque mesmo que receba o livro que já comprou, ela sorteia no blog e está tudo certo.

- A escritora: ela lançou um livro recentemente e curte um boca a boca, porque ouviu falar que é a alma do negócio; então ela distribui seus marcadores nas livrarias, e anda com seu livro na mão perguntando a todos se já leram.

- O traça: ele já leu todos os livros, não tem um gênero que lhe passe despercebido e sente um prazer imenso de dividir o que achou de cada um. Por este motivo, passa o dia ou o tempo livre dentro da livraria, volta e meia puxa papo com alguém para dar sua opinião sobre o livro que a pessoa tem em mãos ou sobre aquele autor. Sabe mais dos títulos e localização dos livros do que os atendentes das livrarias. E é, claro!, cliente preferencial da livraria.
Certamente esqueci alguns tipos que encontramos, mas os mais marcantes para mim são esses. Você se encaixa em algum? Acho que me vejo em vários... Rs!

24 comentários:

Bianca disse...

Eu me identifiquei com 2 tipos. O pão-duro: Já li 3 livros do Harry Potter só na livraria, chegava às 10 da manha, assim q o shopping abria, para poder pegar um lugar vazio.
Depoi eu comprei os livros em promoções na internet rsrsr

Lygia Netto disse...

Excelente coluna, como sempre, Raffa! rs.

Me identifico com vários aí, mas, principalmente no que diz 'Nem lembra quantos livros ainda não lidos quem tem em casa', hahaha.

A parte de saber a localização dos livros melhor que os atendentes tbm me identifico! XD

Beijos!

BiahB - Garota Pai D'égua disse...

haha, me identifiquei com vários! Por exemplo, colecionador de marcadores e livretos, cliente virtual, a blogueira literária e o traça, no sentido de saber mais que os atendentes rsrsrs.

Bjs!

Vanessa Sueroz disse...

Vixii me encaixo em muitos, mas queria mesmo ter corajem para ser uma escritora (já sou uma, mas nao faço isso que esta escrito rsrsr)

Aninha Frazão disse...

Eu sou a blogueira literária e o cliente virtual hahaha!
Adorei!!

beijooos

Cláudia Charão disse...

Adorei, me identifiquei com vários - eu tiro fotos das capas para não precisar anotar o título para comprar em casa.

Anônimo disse...

Você é a blogueira! hahahaha

Ótima Rafa! Adooorei!

Beijos,
Aimeee

Lilly DiCine disse...

Ahahahahaha...

Adorei o post! Nossa, sou uma mescla de três tipos: a blogueira, o cliente virtual e a traça.

Agora, o lance do vovô saudoso me chamou a atenção porque eu conheço um é fofo mas é meio triste a forma como ele está sempre no mesmo lugar na livraria. =\

Beijoooooooos

Lany disse...

Hahaha adorei o post Raffa! Muito criativo!
Eu me identifiquei com:
- Colecionador de marcadores e livretos (eu só não pego muitos repetidos porque fico com vergonha hahaha! Pego 2 no máximo de cada um!XD)
- O traça (dispensa comentários né hahaha).

Só ficou faltando o leitor que sempre vai em eventos literários hahaha!
Beijos,
Lany

deborahandrade disse...

Acho que quase todo mundo que conheço é um colecionador de marcadores e livretos, a coisa mais normal do mundo pra mim é ir na livra e sair de lá com pelo menos um marcador e/ou livreto!! HAHAHA E é totalmente verdade o que você falou irmã, sempre que é pra encontrar alguém a gente marca em frente a uma livraria xD E um dia quando tiver um emprego com certeza vou matar o resto da hora do almoço na livraria assim como você xD
Até agora nunca encontrei um vovô saudoso, mas blogueiras literárias a gente conhece aos montes né!! HAHAHAH Gente no estilo a escritora só encontrei algumas vezes e acho que nunca encontrei alguém que se encaixe no perfil do traça Oo HAHAHAHAH
ótima coluna irmã, bem criativa e adorei os "perfis" desse povo doido e meigo que ama livraria :D
Beijos beijos
Débbie

Nanda Grubstick disse...

Eu sou "Leitora de revista" e "cliente virtual" HAHAHAHAHA :)
E que chatice isso das blogueiras que quem "sortear" :/ Fazer listinhas é o máximo, concordo. Mas nunca fui a favor dessa coisa de sorteios em blog "me segue, rt, dança a macarena, diz que me ama: você estará concorrendo" lol


AMEI o post Raffa :) Adoro post/lista.

xoxo

Nanda

Ana disse...

Oi Raffa!!!

adorei!!
e hj mesmo dei uma passadinha na livraria pra ver se tinha mais alguma coisinha em promoção.. rss..
eu me identifiquei com 2, o cliente virtual (e hj em dia tem como não ser???0 e o traça...
realmente adoro dar minha opinião quando vejo que alguém está em dúvida se leva ou não certo livro...
teve uma vez uma história que foi bem legal, foi assim, eu tava lendo Tormenta da Lauren e tava com ele na mão, mas fui dar uma olhadinha, como sempre, na livraria, pra ver as novidades pra comprar no site depois. Olhei, olhei e quando eu ia saindo da livraria, um rapaz (que era novato lá) veio correndo (literalmente) atrás de mim, me cutucou, apontou para o livro e disse assim: "a senhora tem que pagar pra levar o livro", na mesma hora veio uma atendente que já me conhecia correndo (mais literalmente ainda) atrpas dele e falou pra ele que eu era cliente antiga de lá, que eu sabia bem disse. eu só olhei para o rapaz, para a atendente, mostrei o autógrafo da Lauren e disse: "acho que desses vocês não vendem aqui". Sei que no final das contas, até o gerente veio me pedir desculpas, foi uma situação inusitada... acho que escrevi demais!
sua coluna sempre ótima Raffa!!!
BEIJOS!!!

Vivi Maurey disse...

UAHAAHHAHAAHHAHAAH muito bom! Eu sou a virtual, mas espero ser um dia 'a escritora'. hihiihhihh

Bjão e ótima coluna!

Paolla Milnyczul disse...

Hahahaha!!! Adorei!

Me encaixo na cliente virtual (compro mais virtualmente do que na livraria), blogueira (porque tenho milhões de livros não lidos em casa e um blog, embora não seja literário), a escritora (estou escrevendo)e o traça... Amo livros!!! (São a minha terapia, meu vício saudável.).

Abraços,

Paolla

Evellyn disse...

Ahh Rafa,
bem legal suas considerações! Eu acho que sou uma mistura de vários desses... Mas principalmente colecionador de marcadores (e a vergonha de só pegar marcador? aí eu vou e compro uma revista - porque nem sempre da pra ser o livro né..s)
Ah e sou mt cliente virtual! Nossa, raríssimo comprar na livraria fisica embora eu adore ir la, folhear livros e conferir as novidades!

bjs

Ingrid Nunes disse...

Amei! Sou com certeza a cleinte virtual, passo lá pra anotar os que quero ler e comprar online! Mas também saio da loja com um monte de marcadores e livretos! Beijos, ótima ideia! Arrasou!

Dandra disse...

Eu sou totalmente o cliente virtual rsrs Pra que comprar numa livraria física se posso comprar por uma pichincha na loja on-line? rsrs

Que fofo o vovô saudoso :D

Laaris disse...

HAUHAUHAUHA aqui na minha cidade tem um vovô saudoso *-* adorei !

Nathalia disse...

Adoreeeei!
Me identifiquei com vários tipos e conheço muitas pessoas que se encaixam com outros hahaha. Passar na livraria msm que seja só pra respirar aquele aroma dos livros é o que há!

Beijos
Nathalia Duarte
www.mentalmorfose.com

Ingryd Lessa disse...

Gente, ou você passa muito tempo nas livrarias observando ou tem uma bola de cristal em casa! Simplesmente perfeito CADA perfil Raffa!!!

Eu adorei todos e consegui visualizar perfeitamente cada um, mas me identifiquei com dois:

- Colecionador de marcadores e livretos: é um FATO universal! Sério, não tem uma vez que eu não procure por essas coisinhas viciantes em uma livraria. (sendo que aqui em casa já tem alguns milhares)

- A blogueira literária: esse aqui acabou comigo porque sou eu da cabeça aos pés, sem tirar nem por hahahahah O pior é que quase todo mundo vai se identificar também, tenho certeza!

"Se é para esperar a chegada de alguém, eu marco na livraria" E eu pensando que era a única que fazia isso menina! xD

Amei como sempre a sua coluna! Grande beijo amiga! :)

αηδψϊηћα ஐβϊττψஐ disse...

Apesar de ser uma cliente virtual e as vz outros tipos tbm, confesso que não tem nada melhor do que sair com um livro na mão. Qdo trabalha no centro era um inferno, pq vira e mexe ia comprar algo nas livrarias....rs

Andy_Mon Petit Poison
http://www.monpetitpoison.com

Nana disse...

HAHAHA
Nossa acho que sou a pobre: aquela que entra na livraria fica meia hora lá e não leva nada.. serve? HAHAHAHA

Brincadeiras a parte.. acho que me identifico mais com a blogueira literária e a virtual...

Aqui onde moro.. as livrarias não dão esse mole que ocorre na Cultura haha

Não pode nem folhear revista, na Itatiaia por exemplo.

beijos
Nana - Obsession Valley

Mundo Potinho disse...

Ola gostei do post

Sou a virtual, mas onde eu moro só tem uma livraria e essa não tem lugar pra ler só olhar e sair mas eu gosto de entrar lá mesmo assim e sempre cara kkkkkkk

Ah tem sebos também mas eu prefiro os novos

bjos

http://oincrivelmundodapotinho.blogspot.com.br/

Vivi disse...

Hahaha! Com certeza "Colecionador de marcadores e livretos" e "A Blogueira Literária" se bem que não resisto a uma compra virtual...

Adorei a matéria!