11 de out de 2013

Papos de sexta: Leitora de fases

Nunca parei para pensar que sou de fases, mas outro dia, ao postar uma foto no instagram na qual mostrava o livro que estava lendo, li o comentário de uma amiga próxima: “Quem te viu, quem te vê”.


Na hora curti, mas depois parei para pensar, por que mesmo ela achou estranho eu estar lendo aquele livro? Quais livros as pessoas esperam que eu leia? Logo eu, que sempre me achei eclética, tanto nas leituras quanto nos filmes, me surpreendeu ela achar que eu não gostava daquele livro. Fui ver então os livros que andava lendo e me deparei com o seguinte resultado: dos 20 livros que li em setembro, exatamente nove – quase a metade – eram da mesma temática que ela havia se espantado.

O que acontece com a gente quando optamos por livros parecidos? Ou melhor, o que será que aconteceu comigo, que resolvi ler nove livros do mesmo tema em um só mês!

Descobri que sou de fases. Tem época que quero só saber de vampiros. Tenho uma overdose deles, desde os que brilham aos que tem irmãos lindos, e aos que são extremamente sexies! Aí fico mais romântica, mais mulherzinha. Me entupo de livros onde todas as solteiras conhecem a cara metade em Paris ou Nova York. Geralmente elas compartilham um passado de decepção e, entre trens, trabalho ou aviões pegos com atraso ou não, deliciosamente se apaixonam.

Ah sim, já tive mania de só querer ler livros de época, daqueles em que com 28 anos a mulher já era uma senhora, comprei todos os livros em que eu sabia que elas usavam vestidos rodados e encontravam o amor em lindos bailes, e tinham, em sua maioria, que lutar para ficar com quem amavam porque afinal, que graça tem se a família for a favor do romance?

Claro que já quis ser princesa, saí procurando livros de mocinhas que nasceram na realeza e de outras que levavam uma vida normal até a avó aparecer com a novidade de que tinham sangue azul!

Já me viciei em anjos, lobisomens e seres imortais. E sabem o que é bacana? Que essas fases vêm e voltam, e por isso sempre guardo meus livros com carinho! Porque fazem parte de uma fase importante da  minha vida.

E claro que a curiosidade de vocês deve ter surgido! Afinal, qual livro eu tenho lido tanto? A fase do mês de setembro foi a da literatura erótica! ;)

E vocês, também são de fases como eu?

6 comentários:

Thayza Fonseca disse...

Olá!
Eu adorei o post e principalmente sua forma de escrever.

Eu não acredito que eu seja de fase, geralmente leio um gênero de cada e pronto estou feliz, mais confesso que ultimamente leio três vezes mais o gênero Erótico, as vezes me decepciono e digo "nunca mais" depois já me vejo lendo outro muito bom e por ai vai, mais já passei pela fase dos vampiros e era louca por aquele que brilha mesmo hoje já não vendo muito sentido, passei por anjos mais ele fazem parte da minha vida, os bruxos me acompanham sempre (HP), mais estou mesmo curtindo uma fase destemor no momento. Creio que eu aproveite o que cada gênero tem a oferecer, mais sou apaixonada por livros de romance, se não tiver romance para mim não é tão bom.

Desculpa por ter escrito tanto eu me empolguei!

Beijos
http://osuficientee.blogspot.com

Aline Basilio disse...

Adorei esse post. Realmente, nunca havia parado para pensar nisso, mas é verdade.
Quando leio um livro e gosto muito dele a tendência é repetir a temática do livro... Caso haja continuação, eu leio em seguida, ou leio de outro autor.

Lilly DiCine disse...

Oi, Raffa!!!
Nossa, to surpresa! Nunca pensei sobre o tipo de leitura que tenho. Assim como você, sempre me achei eclética, sempre mesmo. Mas agora, lendo o seu post, percebi mais claramente que também tive minhas fases. Por exemplo, agora estou numa fase zombies...rs Mas já vivi quase todas as fases que você. Acho que é natural isso. Como poderíamos nos desvencilhar da pessoa que somos e do momento que vivemos na hora de escolher os livros que lemos? Já percebi que minha concepção sobre o que achei de um determinado filme também tem a ver com meu momento. Já revi alguns filmes e mudei completamente a minha primeira impressão.

Enfim, belo post. Adorei Raffa!

Beeeeeeeeeijo

Laganowski disse...

Eu sou assim tb... Agora estou na fase do eróticos... Gosto de uns, detesto outros... Mas, eu ligo aquele famoso botão, o do fo..-se. Quem tem que gostar e se sentir bem lendo sou eu... Tem vezes que me enfio nos livros sobrenaturaids... Enfim, muito parecida comigo nisso. Leia o que quiser... Somos de fases...

Larissa Carvalho disse...

Raffa, eu sou uma pessoa MUITO de fases. Por exemplo: to numa fase muito suspense/mistério. Mas eu tenho um problema... independente da fase que eu estiver, se um romance parar na minha mão, eu vou lê-lo antes dos outros KKKKKK eu tenho fases, mas a romântica é permanente.
Adorei o texto, porque mostra que é ok ser um pouco esquisita com relação aos livros, que nem eu sou KKKKK

Frini Georgakopoulos disse...

Tenho fases também, Raffa, mas tenho gêneros que curto mais do que outros. O legal é quando - nessas fases - descubro livros e gêneros novos. ADORO! :)

Ótima coluna!