22 de abr de 2013

Tons da Galera - Jacobs, Marc Jacobs


Bem-vindas ao fabuloso mundo de Marc Jacobs. Estamos testemunhando uma lenda viva, um ícone pop em ação, alguém que vai inspirar estudantes de moda que ainda nem sonham em nascer. E que delícia é assistir sua jornada! É fato: Marc Jacobs não para. E o que ele faz dá o que falar. E hoje em dia ele faz tudo. Ou quase.

A última novidade do cinquentão (completados há uma semana em sua melhor forma — geralmente estrategicamente descoberta para exibir as 33 tatuagens — até porque a gente ainda lembra que ele tinha aquele visual geek meio cheinho e largadinho) é sua estreia no cinema, no filme Disconnect.

Ou não? E as fotos picantes com o namorado ex-ator pornô nas praias de Ipanema que ele publicou no Instagram? Ou foi quando foi nomeado o novo diretor criativo da Diet Coke? Pode ter sido a coleção inspirada 60s e Mod com modelos lado a lado de um jeito quase tão creepy (mas lindo!) quanto as gêmeas medonhas do filme “O Iluminado” e que agora todo mundo está copiando por aí em passarelas, campanhas e editoriais. Na verdade talvez tenha sido o lançamento de mais um perfume, Honey, para aumentar sua coleção de hits aromáticos com as embalagens mais fofas do mercado.

Sim, porque ter lançado uma papelaria há alguns anos em lugares como Paris, Londres e Nova York, a Bookmarc, não foi notícia o suficiente. Nem aparecer em público numa camisola rosa que marcou tanto que virou ilustração. Sem comentários para ter tornado a antes quase caretinha Louis Vuitton em marca-desejo das mais jovens consumidoras, com direito à Madonna (gasp!) de garota propaganda da super tradicional maison francesa. Ser BFF de Sofia Coppola, ter virado personagem dos Simpsons e vestido Miss Piggy? Coisa pouca!
Mas a última de Marc, a última mesmo, dos últimos dias (ou horas), foi vestir a estrela japonesa Hatsune Miku. Só que Miku é um holograma, uma das maiores popstars daquele país, capaz de lotar grandes estádios para seus shows.

Mal posso esperar pela semana que vem para ver o que MJ vai aprontar, e vocês?
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------



Alda Lima começou a respirar moda ainda na barriga da mãe, que viajava a trabalho para pesquisar e comprar as últimas tendências. Formada em Cenografia, hoje trabalha com Visual Merchandising e Produção de Moda numa grife carioca. Nas horas vagas traduz para a Record, vê séries e filmes, e e alimenta os vícios no Pinterest e em cheesecake.

Nenhum comentário: